Desvendando a Região Petrópolis Principais Igrejas SERRA

Passo a passo para casar na Catedral São Pedro de Alcântara, em Petrópolis

1 de agosto de 2015
Interior da Catedral São Pedro de Alcântara. Foto: Giovani Garcia

Interior da Catedral São Pedro de Alcântara. Foto: Giovani Garcia

Principal igreja da região serrana do Rio de Janeiro, a Catedral de São Pedro de Alcântara é a mais requisitada de Petrópolis para casamentos. Também não poderia ser diferente. Linda e imponente, fica bem no centro histórico e foi construída em estilo neogótico francês. Com 70 metros de comprimento e 19 metros de altura, pode ser vista de vários pontos da região e fica ainda mais bonita ao entardecer, quando é revestida de luzes coloridas. Tantos atributos, somados a relevância histórica, fazem dela objeto de desejo e, consequentemente, aumentam a disputa em uma concorrida agenda para a realização de casórios. Para facilitar a vida dos casais que pretendem se casar no local, conversei com a ProMolter Produções, uma das empresas de assessoria mais tradicional da cidade, para levantar dicas.

Novo olhar sob a catedral, obra do fera Giovani Garcia

Novo olhar sob a catedral, obra do fera Giovani Garcia

“A Catedral geralmente abre a agenda para o ano seguinte em abril para casamentos no primeiro semestre e em outubro/novembro para cerimônias no segundo semestre.  Como existem datas muito concorridas chegamos a aconselhar que os casais cheguem bem cedo no primeiro dia da abertura da agenda, a não ser que não tenham uma só data escolhida”, explica Fernanda Weinem, responsável pela ProMolter. Ou seja, se você pretende se casar entre janeiro e junho de 2017, por exemplo, a agenda vai ser aberta em abril de 2016. Já se o seu casamento será entre julho e dezembro de 2017, a agenda ficará disponível em outubro ou novembro de 2016. A dica para ajudar nesse momento tenso de expectativa, é contratar a sua cerimonialista com maior antecedência, pois ela pode e deve ficar monitorando essa data para você!

Catedral São Pedro de Alcântara. Foto: Giovani Garcia

Catedral São Pedro de Alcântara. Foto: Giovani Garcia

Como a Catedral é bem grande, Fernanda destaca que é recomendável ter no mínimo 150 convidados, para a igreja não ficar vazia. A Catedral São Pedro de Alcântara realiza três casamentos aos sábados e apenas uma cerimônia às sextas-feiras. Se você pretende realizar uma cerimônia bem personalizada e já sonha com uma decoração específica, a dica é casar numa sexta-feira. Assim você pode escolher cada detalhe, sem ter que chegar a um consenso com outros casais. Mas se a pedida é dar uma reduzida nos gastos, a melhor opção é casar no sábado. Assim, você vai dividir todos os custos de decoração e iluminação por três.

Veja também, as principais casas de festa de Petrópolis e se inspire!

Fernanda também recomenda que sejam no mínimo 150 convidados para a igreja não ficar vazia. Outro detalhe importante é iluminar bem o ambiente para valorizar a belíssima arquitetura. O aluguel da catedral, custa R$ 1300,00 para casamentos na sexta e R$ 1.000,00 para casamentos aos sábados. Para mais informações, entre em contato com a secretaria da paróquia pelo telefone: (24) 2242-4300 ou pelo e-mail: catedraldepetropolis@hotmail.com Outro detalhe importante, principalmente para noivos de outras cidades: se informe sobre o encontro de noivos, uma das exigências para se casar no local. Com antecedência, você terá mais opções de datas disponível. 

Catedral São Pedro de Alcântara

Catedral São Pedro de Alcântara

Um pouco mais de história sobre a Catedral

A construção começou em 1884 sob o comando do engenheiro Francisco Caminhoá. Inicialmente o projeto previa que a fachada fosse orientada para o Palácio Imperial, mas uma decisão da Princesa Isabel mudou o rumo da obra e a direcionou para a posição atual, voltada para a Avenida Koeler. Foi oficialmente inaugurada em 1925, ainda inacabada. Além da imponente fachada, se destaca por sua beleza interior, com vitrais e arcos góticos. Em seu interior, guarda os restos mortais da família imperial. Outro atrativo que merece destaque são as badaladas dos sinos alemães, um dos pontos altos na entrada da noiva! Foi dedicada a São Pedro de Alcântara, protetor da monarquia e patrono do Império Brasileiro. É uma das igrejas mais belas que visitei, não devendo nada para famosas igrejas europeias. Local: Rua São Pedro de Alcântara, 60, Centro Histórico de Petrópolis.

Conheça também outras igrejas na cidade. A Catedral não é a única opção

Você também pode gostar de